Enciclopédia do Valvuleiro

Atuador Pneumático ou Elétrico?

Segunda Feira - -- de -- de --

atuador pneumatico ou eletrico

Os atuadores pneumáticos e elétricos são utilizados em diversas válvulas para fechamento ou abertura delas. Esses atuadores transformam a energia de entrada em energia mecânica. Portanto, os atuadores pneumáticos e os elétricos convertem, respectivamente, a entrada de ar e a entrada de elétrica em energia cinética.

Contudo, algumas dúvidas podem surgir na escolha de qual tipo de atuador utilizar em seus projetos. Por serem fundamentais na indústria e na operação, nós resolvemos trazer este artigo para te ajudar a decidir qual o tipo de atuador você deve utilizar em seu sistema.

Os atuadores elétricos são aqueles que convertem energia elétrica em cinética. Portanto, eles são destinados para várias aplicações e podem ser usados em usinas de energia, mineração e processos de fábricas de alimentos. Esses atuadores podem ser divididos em dois tipos: lineares ou rotativos.

Atuadores elétricos lineares: convertem o movimento rotativo de um motor de baixa tensão contínuo em um movimento linear. Esses atuadores são utilizados nas válvulas do tipo gaveta e guilhotina. Além disso, também não oferecem uma rotação completa.

Atuadores elétricos rotativos: são utilizados nas válvulas de esfera e válvulas borboleta. Dependendo do torque, eles produzem o movimento giratório ou de rotação completa.
Ademais, eles ainda se dividem em mais duas subcategorias: on-off e proporcionais.
Atuadores elétricos on-off: esse tipo de atuador só permite o fechamento ou a abertura do fluxo da válvula. Atuadores elétricos proporcionais: neste, é possível realizar a regulagem de acordo com a necessidade. Por outro lado, os atuadores pneumáticos são aqueles que convertem a energia do ar comprimido em energia cinética.
Os tipos dividem-se em atuadores de simples ação ou de dupla ação.

Atuadores pneumáticos de simples ação: contém molas em seu interior que podem atuar tanto no fechamento quanto na abertura. Por conta disso, o ar anda em só um sentido e quando o fluxo é interrompido, a mola volta ao seu local.

Atuadores pneumáticos de dupla ação: esses atuadores usam o ar tanto para o fechamento quanto para a abertura. A força de avanço e retorno de atuadores deste tipo é bem maior do que a dos atuadores de simples ação.
Esses atuadores de dupla ação são subdivididos em lineares e rotativos.

Atuadores de dupla ação linear: voltados para o uso em válvulas do tipo borboleta, válvula de esfera e algumas outras.
Atuadores de dupla ação rotativa: válvulas do tipo globo, guilhotina e gaveta são acionadas por este tipo de atuador. Qual deles adotar? Depende da situação. Na maior parte das vezes, essas dúvidas são respondidas dessa maneira. Como guia na situação, podemos dizer que os atuadores pneumáticos são mais seguros, baratos e mais rápidos. Contudo, eles são os mais fracos. A força desses atuadores não é tão grande quanto a força de um atuador elétrico ou hidráulico. Nesse sentido, a sua aplicação precisa ser específica e não deve requisitar um valor de torque alto. Além disso, os atuadores pneumáticos são rápidos em sua ação.
Por outro lado, os atuadores elétricos podem comportar uma força de torque um pouco maior. Todavia, esses atuadores não são tão rápidos em um grande curso de produção. A durabilidade desse tipo de atuador também não é muito longa. Uma proteção maior também é necessária quando se utiliza um atuador elétrico.



Não se esqueça... A curiosidade é que move o mundo!

Acompanhe o grupo Micro Rio:
www.fb.com/microriovalvulas
www.instagram.com/microriovalves
www.linkedin.com/company/microrio/
www.twitter.com/microriovalves

Conteúdo relacionado: