Enciclopédia do Válvuleiro

Como funciona uma válvula de dupla esfera?

Segunda Feira - 10 de Junho de 2019

valvula dupla esfera

Como funciona uma válvula de dupla esfera?
Compreender como funciona uma válvula de dupla esfera é importante para que você reconheça onde a aplicação dela é adequada ou não. Nesse sentido, resolvemos trazer um artigo que explica a sua composição e como este tipo de válvula funciona.

Antes de tudo, de onde vem o nome “válvula de dupla esfera”? Hoje, nós consideramos dois tipos de válvulas em particular: a DBB e DIB. Segundo o Instituto Americano de Petróleo, a válvula DBB é uma válvula única com duas superfícies de apoio. Na sua posição fechada, ela veda a pressão nas duas extremidades da válvula. Por outro lado, a organização Occupational Safety and Health Administration define semelhantemente essa válvula: “o fechamento de uma tubulação pelo fechamento ou vedação de duas válvulas em série, drenando o que há entre elas.”

Para o IPA, uma válvula de dupla esfera consegue ser única, com duas saídas. Enquanto para o OSHA, duas válvulas separadas precisam trabalhar em conjunto para isolar a tubulação. Outras instituições definem as válvulas de dupla esfera como uma combinação de uma ou mais válvulas, geralmente válvulas de esfera, com outros componentes. Considera-se que as válvulas do tipo DBB (double block-and-bleed) requiram somente uma válvula e não um sistema inteiro como a OSHA define. Essas válvulas são as que chamamos de válvulas de dupla esfera.

Elas não requerem a utilização de um sistema para isolar uma parte da tubulação e vedá-la corretamente. Também lidam melhor com o isolamento da pressão, que é isolada em ambos os extremos da válvula. As DBB conseguem economizar um bom espaço no sistema e o custo delas é bem menor do que um sistema de múltiplas válvulas. Elas são usadas para isolamento em sistemas de petróleo, gás natural e transportes petroquímicos em geral.

A aplicação das válvulas de dupla esfera é adequada quando um isolamento é essencial dentro de um sistema. Dependendo do tipo de fluido e de isolamento, diferentes tipos de válvulas de dupla esfera podem ser usados. De maneira geral, as válvulas para a indústria petroquímica são especiais para suportar altas temperaturas e garantir a vedação da parte de um sistema sempre que necessário.

Em resumo, as válvulas de dupla esfera (DBB) são usadas para o isolamento e vedação de uma parte do sistema quando isso é essencial na indústria. As aplicações mais comuns dessas válvulas ocorre em sistemas petroquímicos, onde o transporte e o armazenamento de gases naturais e petróleo acontece.



Não se esqueça... A curiosidade é que move o mundo!

Acompanhe o grupo Micro Rio:
www.fb.com/microriovalvulas
www.instagram.com/microriovalves
www.linkedin.com/company/microrio/
www.twitter.com/microriovalves

Conteúdo relacionado: